Dia de desespero

Sabe aquele dia que nada dá certo e você tem 1 milhão de coisas pra fazer?? Pois é foi hoje!

Não tinha o intuito de escrever sobre isso por enquanto no blog, mas como trabalhamos com maternidade real, temos que expor a realidade, por mais dura que ela seja.

Isabella acordou 1h da madrugada chorando muito, mas eu sabia que não era fome, pois a última mamada tinha sido as 21:30hs antes de dormir, o Igor foi no quarto tentou de todo que é jeito fazer ela voltar a dormir e nada, ela chorava de espernear, parecia que estava matando ela. Levantei e fui lá, coloquei no peito, ninei, cantei, rezei e nada. Com muito custo, muito tapinha no bumbum e muito shhh, depois de meia hora, enfim ela dormiu!! Nessas horas não tem jeito, só a paciência salva.

Dormiu super bem, acordou era umas 7hs, mas sabe quando eles acordam, mas não acordam?!? Ela começou a resmungar de olho fechado e não parecia ter acordado, fui lá, e na hora que eu peguei ela percebi que ela estava TODA molhada!! Que beleza, a fralda vazou toda, lá vamos nós tirar a bebê do berço e tirar tudo pra lavar e secar o colchão, porém Isabella continuava a chorar mesmo no meu colo. Deixei meu marido cuidando da limpeza do quarto dela e fui com ela pra minha cama pra ela voltar a dormir, mamou e dormiu no peito, maaas claro que não seria assim tão fácil né?!? Quando coloquei ela na cama, ela acordou e não quis saber de dormir mais, tentei de tudo e nada, não voltou a dormir. Ok! Pelo menos ela parou de chorar, talvez não esteja mais com sono mesmo, vamos levantar!

Fomos pra sala pra ela brincar no tapetinho e com os brinquedos, isso já eram umas 8:40hs. Brincou uns 10/20min e começou a ficar irritada, claro estava batendo o sono novamente. Geralmente esse cochilo da manhã ela costuma fazer na rede(filha de baiano né), coloquei na rede e ela só chorava, não quis ficar de jeito nenhum. Coloquei na cadeirinha de balanço e também nada, só chorava e gritava. Peguei no colo e tentei ninar, nós nunca acostumamos a Isabella a dormir no colo, então ela não sabe dormir dessa maneira, mas como nada que era o costume ela queria, tentei outras técnicas, mas também não resolveu. Tive que colocar ela no peito pra acalmar (A Isabella não pega chupeta por nada, já tentamos de tudo, 3 modelos diferentes, colocar no peito no final da mamada pra trocar e nada, não pega), enfim ela acalmou e coloquei na cadeirinha de balanço(bouncer), óbvio que ela acordou, e voltou a chorar, fiquei só com o pé balançando(cometi o erro de não comprar a automática) até que ela voltou a dormir. Foi o tempo de fazer 1 xixi, sim, ela acordou de novo.

Novamente acordou bem, sem resmungar, sem chorar, isso já era quase 11hs, olha o tempo que ela demorou pra dormir, e acordou em 10 minutos. Mas beleza, já tinha passado da hora da frutinha dela, então resolvi dar a fruta, ficou bem na cadeira enquanto eu preparava a fruta e comeu um pouco, mas logo ficou irritada de novo. Limpei ela e coloquei no tapete pra brincar, enquanto eu limpava tudo. Ficou mais uma meia hora brincando, mas ela está tentando rolar, já rolou 2x, mas ainda não pegou o jeito, então ela fica brava quando não consegue, e ficava todo o tempo gritando irritada, e eu lá tentando distrair ela, quando me dei conta, já eram 11:30hs e eu nem tinha começado o almoço(lavar a roupa, arrumar a cama e fazer qualquer outra coisa já tinha até desencanado), mas o almoço eu precisava fazer, porque eu ainda iria sair para trabalhar(sim, eu trabalho fora, sou fisioterapeuta, e tinha um paciente para atender). A solução?! Levei ela no bouncer pra cozinha comigo, ficou bem por um tempo, mas logo começou a gritar e a ficar irritada de novo, e eu?!? Já estava morrendo de calor, com 2 panelas no fogo e me dei conta de que ainda estava de camisola!! Coloquei ela de volta no tapetinho com os brinquedos, corri pra me trocar e voltei pra cozinha, ficava indo e voltando da cozinha pra sala pra ver ela, a sorte que minha cozinha é americana e eu consigo ficar de ouvido nela.

Claro que ela não ficou muito no tapete brincando, logo começou a gritar e chorar novamente, percebi que a comida ainda ia demorar e fui lá pegar ela, peguei no colo e nada, o que ela queria?!? Tetê, e ai o embate..coloco no peito e desencano do almoço? Deixo chorando e vou cuidar das panelas?? Claro desencanei do almoço(fiquei só de ouvido nas panelas haha), coloquei ela no peito pra acalmar, quando percebi que ela havia se acalmado e estava quase dormindo, tentei colocar no bouncer pra terminar o almoço, já começou a chorar quando eu tirei do peito, então resolvi ficar com ela no colo e ir olhar as panelas(super seguro e recomendado, #sqn, mas mãe tem horas que não dá pra pensar nas recomendações), resolvi desligar as panelas e desistir do almoço.

Coloquei ela de volta na rede, ela estava morrendooo de sono, mas não tinha dormido nem uma soneca direito, tirou 2 cochilos de 20 minutos, no máximo, ela estava muito irritada, na rede ela estava quase dormindo, mas “o bicho que picou ela hoje”, fez ela despertar e voltar a gritar e a chorar, nessa hora tentei ignorar e continuei balançando a rede sem olhar pra ela, pra que?!? Parece que ela ficou ainda mais irritada, meus vizinhos devem achar que eu estava matando ela, porque o escândalo foi grande. Nessa hora já era bem mais de 12hs, eu sem almoço pronto, stressada, cansada, sem saber mais o que fazer, desisti de tudo, sentei no sofá com ela e coloquei ela no peito e lá fiquei até ela dormir, não demorou muito e enfim pegou no sono. Uhuull, vou poder terminar o almoço!!! Coloquei no bouncer e fui pra cozinha, foi o tempo de abrir a geladeira pra pegar um ingrediente, que ela acordou desesperada, corri pra ver o que tinha acontecido, e..nada, ela só tinha acordado mesmo.

Lá vamos nós de novo pro peito, porque tem horas que só peito resolve. Mesmo tendo em mente que eu não quero que ela relacione o peito com o sono(falo disso em outro post), hoje não teve jeito, precisou ser no peito, e lá ela ficou até realmente dormir, dessa vez, coloquei no bouncer e ela ficou dormindo, consegui terminar o almoço, e sentei pra escrever.

Enfim dormiu!!

Percebi mais uma vez, que com eles, por mais que tentamos uma rotina, tem dias que não existe rotina, não existe teorias, não existe ensinamentos, só muitaa paciência e amor. Claro que eu perdi a paciência hoje, sou de carne e osso, e sou normal, se você consegue manter sempre a calma em qualquer situação, me ensina, porque não acho uma tarefa nada fácil, preciso de muita respirada fundo e contar até 10. Mas sei também que ela não é assim, e que muito provavelmente tinha alguma coisa irritando ela. Talvez ter que dormir sem ser no berço dela(o colchão está secando), talvez o calor, ou talvez ela não está em um dia bom, mesmo sendo um bebê, acredito que isso aconteça sim.

Enquanto eu escrevia esse post, ela acordou mais 3x, e na 3a eu desisti e coloquei ela no colo e cá estamos, esperando o marido chegar pra ficar com ela pra que eu possa ir trabalhar. E o almoço?? Mãe tem esse direito?? Hahaha

E se você está passando por dia assim, ou já passou, bate aí amiga, estamos juntas!!

Mãe faz o que precisa como dá

Não durou muito. E dá-lhe balançar

Desisti e coloquei pra escrever comigo

Um comentário sobre “Dia de desespero

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s